Polícia Civil de Extrema deflagra operação “Duplo Alvo” em Vista Alegre do Abunã

A Polícia Civil do Estado de Rondônia por meio da Delegacia de Polícia do Distrito de Extrema (9ªDP) deflagrou na última sexta-feira (07/04), a operação denominada “Duplo Alvo”, que tinha por finalidade a prisão de autores de homicídios ocorridos na região de Vista Alegre do Abunã. Após o levantamento de relatórios informativos realizados pelo Setor de Investigação (Sevic), o Delegado de Polícia Titular da 9ªDP representou pelos mandados de prisões e de busca e apreensão.

Munidos das referidas medidas cautelares, os Policiais Civis se dirigiram até o Distrito de Vista Alegre e lograram êxito em prender Gabriel Ramalho, assim como, conduzir um menor, ambos acusados de serem autores de 02 (dois) homicídios realizados em Vista Alegre.

No dia (29/01/2017), o nacional Gabriel Ramalho ceifou a vida de Eliésio Nogueira da Costa com aproximadamente 04 (quatro) tiros de revolver calibre .38, na saída da boate “Facebook”. Por sua vez, no dia (25/03/2017), o menor apreendido assassinou brutalmente a vítima Márcio de Souza Dias, com aproximadamente 14 (quatorze) facadas.

De acordo com o Delegado Titular da Policia Civil em Extrema, Dr. Marcos Correia, “Os homicídios não possuíam conexões, mas foram investigados de forma simultânea com a finalidade de desvendar as autorias dos homicídios na região, bem como a apreensão de armas utilizadas nos referidos delitos”, explicou Marcos.

Durante o cumprimento ao mandado de prisão de Gabriel Ramalho, foi encontrado em seu poder 01 (um) Revolver, marca Taurus, calibre .38, possivelmente utilizado para a prática de outros crimes, o que será apurado pela Polícia local.

Ainda de acordo com o Delegado, o resultado do trabalho na Região da Ponta do Abunã se dá especialmente pelo alto grau de comprometimento dos policiais civis lotados na Delegacia de Extrema, que não medem esforços para lutar contra a criminalidade. “Muito empenho e dedicação desta equipe tem garantido respostas positivas à população que reside nesta região”, finaliza o Delegado.

Fonte: ASCOM/PCRO

Imagens: PCRO

Sobre ASCOM