Delegado-Geral da Polícia Civil participa da entrega da Unisp em Ji-Paraná

O Delegado-Geral da Polícia Civil do Estado de Rondônia, Eliseu Muller, participou na última segunda-feira (08/05), da solenidade de entrega da Unidade Integrada de Segurança Pública (Unisp) de Ji-Paraná. A inauguração contou com a presença do Governador de Rondônia, Confúcio Moura, do Secretário de Estado da Segurança, Defesa e Cidadania (SESDEC), Lioberto Caetano, deputados, prefeito, vereadores e demais autoridades.

O Governador do Estado de Rondônia, Confúcio Mora, afirmou a importância de se constituir um diálogo entre as partes que buscam uma delegacia de polícia. “Quero aqui fazer um apelo aos delegados e servidores. Antes de registrar o boletim de ocorrência, conversem com a vítima, com o acusado. Promovam uma mediação de conflito entre as partes”, solicitou o governador, sugerindo o diálogo antes da abertura de processo. “O foco aqui é o cidadão. Que ele seja acolhido, atendido e respeitado”, determinou Confúcio Moura.

O Delegado-Geral da Polícia Civil, Eliseu Muller, revela que já iniciou o trabalho de implementação dos Núcleos Especiais Criminais de Resolução Consensual de Conflitos Relativos a Infrações de Menor Potencial Ofensivo (Necrim). “A Polícia Conciliadora é uma proposta moderna e inovadora, cujo a filosofia surgiu como evolução do modelo de Polícia Judiciária, mantendo o seu principal foco na prevenção, conciliação e pacificação, promovendo a solução de conflitos, tal ação vem suprir exatamente as demandas colocadas pelo Governador em seu discurso”, comenta o Delegado.

No mês passado, a Direção-Geral da Polícia Civil trouxe o delegado e palestrante de São Paulo, Clóves Rodrigues da Costa, multiplicador do método Necrim no Brasil para ministrar uma palestra sobre o tema polícia conciliadora. O encontro aconteceu no auditório da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/RO) e contou com a participação de centenas de policiais da Capital e interior.

O Delegado e Palestrante, Clóves Rodrigues, disse que “o Núcleo Especial Criminal é uma ferramenta que possibilita um atalho na solução de conflitos em casos de crimes de menor potencial ofensivo, quando a pena é de até dois anos. O Estado de São Paulo é pioneiro na implantação do projeto, e em 90% das audiências os resultados são positivos. Com isso, a força de trabalho da Polícia Civil fica com maior disponibilidade para trabalhar as investigações de crimes mais complexos”, explicou o Palestrante.

A Unidade Integrada de Segurança Pública fica localizada no mesmo endereço que funcionava a 2ª Delegacia de Polícia Civil (2ªDP) em Ji-Paraná, na rua Café Filho (antiga T-12), no 2º Distrito. O novo prédio deve agregar o 2ª DP, Delegacia Regional, Delegacia de Homicídios, Setores de Identificação e de Perícias Médicas da Polícia Civil, além da Polícia Militar e o do Corpo de Bombeiros.

A Unisp de Ji-Paraná, considerada de grande porte, é a quinta a ser inaugurada das 19 previstas pelo governo estadual. O investimento foi superior a R$ 3,8 milhões financiados pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), por meio do Programa Integrado de Desenvolvimento e Inclusão Socioeconômico (Pidise), e faz parte da reestruturação e modernização da Segurança Pública.

Reunião

Na oportunidade, o Delegado-Geral da Polícia Civil, Eliseu Muller, reuniu com o Delegado Regional de Ji-Paraná, Alexandre Árabe, assim como, com os Delegados da região para planejar  e discutir estratégias de atuação da Polícia Civil e ocupação da nova unidade de Segurança Pública.

Fonte: ASCOM/PCRO

Sobre ASCOM