Polícia Judiciária Civil, por intermédio da Delegacia Especializada em Crimes Contra a Vida (DECCV), elucida mais um crime de homicídio ocorrido em Porto Velho

Na tarde de hoje (30), policiais civis prenderam Ednelson R. N., 33 anos, acusado de matar Edson de Souza Ribeiro, 32 anos, com uma facada na região da cabeça.

Foram apenas 7 dias entre o homicídio e a elucidação, o necessário para a equipe de policiais da DECCV desvendarem o crime. O fato aconteceu na noite do último dia 23, em uma vila de apartamentos na Rua Apis, bairro Nova Floresta, na zona Sul de Porto Velho. A vítima ainda foi socorrida para o hospital João Paulo II, mas não sobreviveu.

Segundo as investigações, a motivação do crime foi uma discussão por causa de Wi-Fi de internet, isso mesmo “o acesso ao Wi-Fi”. Isso porque a vítima (Edson) que morava em um dos apartamentos da vila teria desligado a internet iniciando o desentendimento e agressão física.

Durante a briga, o suspeito desferiu golpes de faca na altura da barriga e depois na cabeça da vítima. Durante interrogatório, na tarde de hoje Ednelson informou a autoridade policial que estava bêbado e esqueceu o que havia ocorrido. Ele foi preso, pois o poder judiciário já havia concedido o pedido de prisão preventiva solicitado pelo Delegado de Polícia da DECCV. Ele preso em cumprimento do mandado e encaminhado aos sistema prisional.

Sobre ASSCOM